segunda-feira, 6 de abril de 2015


Versões do Rebelde

A novela Rebelde Way é um grande sucesso mundial. No Brasil foi exibida a sua versão mexicana, Rebelde, da qual saiu o fenomeno RBD. Saiba agora sobre todas as versões da novela.


Rebelde Way (Argentina)

Rebelde Way é uma novela Argentina, surgida no ano de 2002
O primeiro CD do grupo foi disco de ouro e platina logo após vender mais de 120.000 copias na Argentina
O primeiro disco de Erreway, "Señales" foi vendido para Uruguai, Paraguai, Equador, Peru e República Dominicana e no final do ano, o grupo realizou uma turnê por estes países que incluíam 10 apresentações com vendagens esgotadas de ingressos.

Os personagems principais são
Mia, Manuel, Marizza e Pablo respectivamentes vividos por Luisana Lopitano, Felipe Colombo, Camila Bordonada e Bejamin Rojas, todos saidos da novela Chiquititas 2000 (Exibida em 2007 no SBT).

Rebelde Remix (Índia)


Em 2004 o formato da novela Rebelde Way foi vendido para a India, lá a novela foi adaptada para a realidade do pais e teve duas temporadas. Foi motivo de muita polemica já que a história fere a moral daquele pais. Muitas cenas da versão original foram cortadas como o strip tease da Mia. Também foi lançada uma banda, Remix Gang, que fez sucesso. Os atores não sabiam cantar, as músicas foram gravadas por outra banda que emprestava sua voz aos atores da novela nos shows.

O primeiro CD da banda vendeu 40.000 mil cópias na Índia 3.000 na Rússia e 900 cópias na China. já o segundo álbum foi lançado no ano de 2006, e foi titulado como Remix Gang 2 vendeu 18.000 mil cópias na Índia 

Rebelde Way (Portugal)


Em 2008 o canal SIC de Portugal comprou os direitos para a realização do Remake de Rebelde Way. A novela seria a nova aposta para conseguir bater de frente com a série Morangos com Açucar (Espécie de Malhação Portuguesa) mas não obteve o sucesso esperado. 

O nome dos personagens protagonistas são: Mia (Mia), Manuel (Manuel), Pedro (Pablo) e Lisa (Marizza), o nome do colégio era Prestige International School e só teve uma temporada. Inicialmente iria se chamar 'Onda Rebelde' mas optaram por deixar como o nome original, Rebelde Way.

Da novela foi lançado um grupo, o RBL WAY que cantava versões em Portugues das músicas da banda Erreway e RBD. A Banda também não teve tanto sucesso, e é considerada a versão de menor sucesso.

O primeiro disco dos RBL foi lançado a 18 de Maio de 2009, tendo o mesmo nome da banda. Este incluiu ainda um DVD gravado ao vivo. O CD tem 12 faixas, nomeadamente os êxitos “Amor Imortal”, “Assim Completamente” e “Rebelde”, bem como as baladas “Marcas do Passado” e “Chegou a Hora” e temas com um toque de rebeldia, como “Resistir” e “Eu Sou Assim”. A banda acabou no ano de 2009.


S.O.S Corazón Rebelde (Versão chile)


Em 2009 o Canal 13 do Chile resolve produzir uma versão de Rebelde Way, dessa vez chamada de S.O.S Corazón Rebelde. A história da novela foi pouco modificada, o nome do colégio era Alto Santiago e o nome dos personagens protagonistas eram Coté (Mia), Manuel (Manuel), Martina (Marizza) e Pablo (Pablo).

Assim como todas as versões foi lançado um grupo, o CRZ. O primeiro CD teve o nome de 'CRZ La Banda'. Com esta produção musical, eles também esperam uma tour de apresentação nacional

a banda lançou seu primeiro álbum e conteve grandes sucesso uns deles foi a canção Como Una Rebeldia que serviu como umas das aberturas da novela. mesmo com o fim da trama em dezembro os atores/cantores ficarão no grupo.

Assim como RBD, Erreway, RBL e Remix Gang fez sucesso no país de origem e em alguns países da ásia. o grupo é composto pelos cantores/atores Denise Rosenthal, Augusto Schuster, Ignacio Garmendia, Luciana Echeverria & Magdalena Müller.


Nota: Depois de RBD, na minha opinião, musicalmente falando CRZ é a melhor versão

Os Rebeldes, Rebelde Way e Rebelde (Brasil) Versões não lançadas


O Brasil já teve 3 tentarivas frustradas de emplacar um remake da novela Rebelde Way.
A primeira foi em 2004, o projeto seria feito pela produtora Destiny International e se chamaria 'Os Rebeldes'. Teria uma banda e a história foi totalmente mudada, sendo chamada nos bastidores de 'Versão praia' já que a maioria das cenas se passariam na praia. Foram gravados 3 capitulos que foram levados até Cris Morena na Argentina, a mesma adorou a idéia mas dispensou pois a novela tinha perdido totalmente a sua identidade.

Ainda com o desejo de lançar uma versão de Rebelde Way a produtora Destiny refez o elenco e dessa vez seguiu a risca a versão original.

A versão brasileira de Rebelde Way, seria a primeira versão internacional da produtora Cris Morena Group, A série também se chamaria Rebelde Way e nunca chegou a ser exibida. Seria dirigido por Caco Souza e adaptado por Marcelo Ferla (autor do livro "Segredo Rebelde", que revela os bastidores da produção brasileira) e Carlinhos Carneiro, vocalista da banda gaúcha Bidê ou Balde.

Os nomes do elenco principal foram modificados:

Mia Colucci - Mariana Colucci (Marisol Ribeiro);
Manuel Aguirre - Arthur Barreto (Fábio Lucindo);
Marizza Pía Spiritto - Mariza Spirito (Bruna Giglio);
Pablo Bustamante - Paulo Roberto (Marco Pigossi).

Deixei o melhor por último 

Rebelde (Versão México, a famosa, a Fenômeno, a Inesquecível)




Essa é a versão mais bem sucedida da novela, na verdade é mais famosa do que a sua versão original.
Rebelde foi produzida em 2004 pela Televisa, é um fenomeno indiscutivel. Foi exibida no Brasil entre o ano de 2005 e 2006, a história é basicamente a mesma de Rebelde Way mudando apenas o nome de seus personagens. Mia (Mia), Roberta (Marizza), Miguel (Manuel) e Diego (Pablo).

A novela também gerou uma banda, RBD, que rapidamente se tornou um fenomeno mundial, a banda foi formada por Anahi, Dulce Maria, Christopher Uckermann, Christian Chaves, Maite Perroni e Alfonso Herrera. Teve 3 temporadas.

O primeiro CD, Rebelde, foi lançado em dezembro de 2004, e marcou o primeiro sucesso fonográfico do grupo. Esse CD vendeu cerca de 7 milhões em todo o mundo e teve uma edição em Portugues para o Brasil, esse CD intitulado de Rebelde - Edição Brasil vendeu cerca de 300 mil copias.

O segundo disco (Nuestro amor) vendeu mais 200 mil cópias em uma semana e, nos Estados Unidos, o disco chegou ao primeiro lugar da parada de discos latinos, onde permaneceu por três semanas, e chegou ao 88º lugar da parada geral da Billboard.

Em Novembro de 2006, eles lançaram o terceiro álbum, chamado Celestial produzido e dirigido por Carlos Lara, que estreou no número 15 na Billboard 200, marcação primeira semana de vendas de mais de 137.000 cópias nos E.U.A

Celestial foi o primeiro disco do grupo a ser lançado em todos os países que eram conhecidos, o que tornou o disco muito bem sucedido. Vendeu mais de 9 milhões de cópias a nível mundial.

Obs: Não vai da pra colocar toda informação do RBD aqui, pois não caberá, foram centenas de coisas

Rebelde Brasil é uma Cópia Barata novela Brasileira, criada com o intuito de fazer o mesmo
sucesso que a versão mexicana (Tanto que copiaram até o número de personagems principais na banda)
a trama segue o mesmo roteiro que as duas primeiras versões, o mesmo nome do colegio
entre diversas histórias parecidas.