domingo, 7 de junho de 2015


Estudo prova o poder de saltos altos sobre os homens
saltos altos poder homem
Reza a lenda que as mulheres julgam os homens pelos sapatos que eles usam. Eu confesso que não sou muuuito dessas, mas já vi acontecer. Na verdade, eu tento com todas as minhas forças remar para o lado oposto de estereótipos de julgamentos baseados na aparência. Mas algum resquício disso infelizmente vive em mim. Então peço desculpas antecipadamente caso alguma das palavras que você ler aqui vier carregada de pré- conceitos ou generalizações das quais você não faz parte. Enfim.
Vamos recomeçar.
Mulheres julgam os homens pelos sapatos. Isso porque em algum momento nos ensinaram que essa profunda análise empírica pode ser uma dica de como um homem vai nos tratar. Claro que a maneira como ele trata a garçonete também é bastante conclusiva. Até mais, arrisco dizer. Nenhuma novidade, certo?
Só que agora, uma nova análise no Archives of Sexual Behavior conluiu que nãosão apenas as mulheres que fazem julgamentos arrebatadores baseados em sapatos. De acordo com o estudo, os homens também o fazem, pelo menos lá na França. O sociólogo Nicolas Guéguen, da Universidade de Bretagne-Sud, constatou que os homens são mais solícitos com as mulheres de salto alto do que com aquelas qe estão com sapatos baixos. Inclusive o tamanho do solto influencia no comportamento dos caras.
Guéguen comprovou isso fazendo um experimento. Ele colou mulheres de salto alto e sapatos baixos para entrevistarem pessoas aleatórias na rua. Tipo aquelas pessoas que param você perguntando se você pode responder um questionário “rapidinho”.
Em seguida ele analisou os resultados e, olha, eles foram surpreendentes. Apenas 46% dos homens estavam dispostos a participar de uma pesquisa, quando perguntado por uma mulher de sapatos baixos. Mas quando uma mulher de salto faz a abordagem, a taxa de adesão sobre para nada menos que 83,3%.
Nos Estados Unidos, é difícil imaginar que 83% dos homens parando para responder uma pesquisa, mas talvez ser útil a todas as mulheres seja uma coisa da cultura americana. Esta simpática senhora caminhou durante 10 horas em Nova York e tem mais de 100 ofertas de ajuda de homens estranhos. Isso é uma média de uma oferta para ajudá-la a ter um dia mais agradável a cada 6 minutos.

Mulheres em relação a mulheres de salto

Em um segundo estudo, o sociólogo também verificou que mulheres parecem ser imunes a saltos de outras mulheres, mesmo que secretamente estejam julgado ela. Por exemplo. Quando uma mulher deixou cair uma luva, outras mulheres (esse estudo envolveu 180 homens e 180 mulheres) tinham a mesma probabilidade de ajudá-la se ela estivesse ou não usando salto alto. Já os homens reconheceram claramente que uma mulher de salto teria que se curvar mais, de modo que estiveram propensos a ajudá-las 93,3% do tempo. Já quando os homens viram uma mulher em sapatos baixos, lembraram que ela foi geneticamente modificada para ser capaz de pegar sua própria luva e, sendo assim, mostraram disposição para ajudar em apenas 62% do tempo.
O terceiro estudo foi um pouco mais preciso, cronometrando quanto tempo levou para um homem conversar com uma mulher de salto ou não em um bar. 36 jovens do sexo masculino em mais de 3 bares, demoraram 13 minutos para falar com uma mulher de salto alto contra 7 minutos para falar com uma mulher em sapatos baixos. Esses números não são realmente precisos. Mas essa é a ideia.
Isso leva a uma pergunta ovo-galinha. Será que os homens consideram saltos mais sexy as modelos famosas os usam, ou as modelos usam salto porque os homens os acham sexy? Designers dizem que os saltos dão a impressão de pernas alongadas, o que pode, por experiência própria, digo que é bem verdade.